Estilo Moda O Que Vestir

O Estilo Na Mulher de 40

13/07/2018

Certamente, a existência é constituída de diversas fases e em cada uma delas passamos por intensos processos de transformação, que interferem na nossa forma de ser e estar no mundo, certo?

O período dos 40 anos, principalmente para a mulher, é uma dessas fases e traz, inclusive, mudanças significativas para o corpo da mulher.

Junto com as mudanças, surgem conflitos que no caso de algumas mulheres afetam a autoestima. Nesses casos, a autoestima tende a ficar mais frágil e pode se abalar com certas convenções sociais que interferem, querendo determinar o que a mulher madura deve ou não vestir.

Assim, a chegada aos 40 revela um novo momento de retomada dos próprios valores e principalmente, o fortalecimento do próprio estilo ou a descoberta dele.

Por isso, quero compartilhar com vocês dicas de moda essenciais para as mulheres depois dos 40!

Mas se você está lendo essas palavras e se identificou com a situação, indiferente da idade, seja bem-vinda!

O resgate do estilo próprio

Normalmente, quando chegamos aos 40, começamos a sentir dúvidas sobre como manter a elegância sem parecer uma adolescente, mas também sem ficar mais velha do que realmente somos.

Bom, a minha primeira dica sobre isso é que você deve procurar conhecer a fundo o seu estilo.

Para isso, é importante entender que estilo é um conjunto de características que definem algo ou alguém.

Muito mais do que uma maneira de vestir, ele é um modo de ser e viver onde as escolhas particulares, preferências e desejos são levados em consideração.

Sendo assim, o estilo pode ser compreendido como uma extensão da identidade, diferente da moda, que de modo geral, representa a predominância de um estilo, proposto por uma indústria que estuda e propaga a influência de determinada tendência.

Por mais que a moda estabeleça padrões, aceitá-los ou não depende de um processo de identificação com a própria identidade e não simplesmente adotar uma tendência! Nesse ponto, atitude é importante, ou manter seu próprio estilo acrescentando apenas um toque do que a moda propõe naquele momento, ao look, como um acessório.

Como eu costumo sempre repetir: a moda passa e o estilo permanece.

Dicas de moda para as mulheres Depois dos 40

1. Conheça o seu estilo

O processo de reconhecer o seu estilo envolve uma sincera identificação da personalidade, descobrindo facetas escondidas que ajudam a superar os desafios da autoestima frágil, comum durante essa idade.

Além disso, um determinado estilo pessoal pode incorporar diferentes estilos de moda e saber disso é incrível!

Alguns exercícios contribuem para a descoberta do estilo. São eles:

Questionamento interno

Nessa etapa, você precisa responder com muita honestidade as seguintes perguntas:

  • O que você gosta de usar?
  • O que você gosta de fazer?
  • Qual sua profissão e qual imagem gostaria de transmitir?

Ao identificar as respostas, procure por personalidades que sejam condizentes com os seus anseios e inspire-se nelas.

Eu, por exemplo, adoro a Victoria Beckham e uso o seu estilo como inspiração para compor o meu.

Autodescoberta através da observação

Esse exercício é muito simples.

Para executá-lo, basta abrir o seu guarda-roupa e observar os tipos de roupas que são predominantes nele. As roupas que usamos revelam traços da nossa personalidade, portanto, as peças que você se sente confortável podem dizer muito sobre você.

Além desses exercícios, as dicas que compartilho a seguir são as mesmas que costumo trabalhar durante as minhas consultorias de moda.

2. Conheça a sua silhueta

O corpo da mulher depois dos 40 passa por alterações hormonais que podem mudar a silhueta.

De modo geral, as silhuetas são definidas pela análise de 03 partes do corpo: ombro, cintura e quadril. A silhueta é definida a partir da proporção entre as medidas dessas partes.

Conhecer a silhueta ajuda a esconder as partes do corpo que não te favorecem, assim como ressaltar as partes que favorecem.

3.Misture peças favoritas com modernas

Sabe aquelas peças com mais de 20 anos que você adora, mas não sabe como usá-las?

Pois bem! É possível fazer um ‘mix’ delas com peças modernas, misturando estilos e tendências.

Quer um exemplo?

Uma saia longa de tricot que parecia fora de moda, se usada em contexto isolado, pode ficar sensacional, se for usada com uma t-shirt com bordado de paetê e um blazer sequilho com um scarpin

4. Evite decote “V”

Sem dúvidas, o decote v é uma paixão da maioria das mulheres

Mas, o fato é que ele deixa o colo à mostra e em alguns casos, isso pode não favorecer mais, devido à inevitável ação do sol e do tempo.

Algumas opções elegantes para substituir o decote v são: gola alta e decote canoa

Você pode gostar também

Sem comentários

Deixe um Comentário

Quer Mais?

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos exclusivos por e-mail
Email
Fique por dentro das novidade!