Estilo Moda O Que Vestir Streetstyle Tendências

A Dior Saddle Bag está de volta e caiu no gosto das fashionistas

10/10/2018

A Saddle Bag da Dior regressou às passarelas recentemente.

Isso ficou evidente na apresentação da última coleção de Maria Grazia Chiuri, o público conferiu um verdadeiro arsenal de modelos: um mais lindo do que o outro!

Por isso, nesse post você confere tudo sobre o assunto.

O retorno da Saddle Bag

De acordo com o site LaVanguardia, os icônicos modelos de Saddle Bag da Dior tiveram o ápice por volta dos anos 2000, quando John Galliano (estilista britânico de alta-costura) ainda estava na liderança criativa da Dior.

Curiosamente, a Saddle bag tem esse nome em virtude da semelhança com o selim das bicicletas, que em inglês são chamados de saddle.

Os modelos da Dior possuem uma tira ajustável ao corpo, possibilitando o uso em diagonal, o que remete ao estilo new-hippie.

As primeiras versões da Saddle Bag no look das famosas

Quando foi lançada da primeira vez, as fashionistas de plantão tinham pelo menos um modelo.

Paris Hilton era uma das fashionistas que desfilava com a saddle bag a tiracolo.

paris-hilton-saddle-bag

Imagem: site standard

Beyoncé também não abriu mão da saddle bag.

Beyoncé-saddle-bag

Imagem: Purseblog

Além das famosas, a saddle bag virou a queridinha da personagem Carrie, de “Sex in the city.”

Afinal, porque a Dior resolveu trazer o modelo de volta?

O que inspirou mesmo a Dior a relançar a peça foi o fato das fashionistas do mundo digital terem introduzido o modelo num contexto completamente vintage, dezoito anos após o primeiro lançamento.

Elas resgataram o modelo e começaram a usá-lo, misturados aos looks contemporâneos.

Para conferir o revival das Saddles bag, basta digitar #diorsaddlebag no Instagram e se apaixonar pelas lindas versões do modelo.

A versatilidade da Saddle Bag

Nessa nova coleção, a Dior apresentou uma versatilidade de modelos.

Então, a estilista da marca declarou: “eu queria que esta coleção fosse uma celebração da beleza atemporal.”

Assim, os modelos apresentados iam do minimalismo monocromático às cores de miçangas e bordados, numa verdadeira valorização dos trabalhos artesanais.

Ao que tudo indica, a diferença entre a primeira versão e a tendência atual é a matéria-prima, pois a Dior fez questão de manter o formato.

saddle-bag-dior-1

saddle-bag-dior-2

saddle-bag-dior-3

saddle-bag-dior-5

Na verdade, a bolsa da Dior não é uma tendência qualquer e com certeza, pode ser facilmente adaptável a todas as idades e silhuetas.

Gostou do post? Então acompanhe também o meu Instagram.

 

Você pode gostar também

Sem comentários

Deixe um Comentário

Quer Mais?

Cadastre-se e receba novidades e conteúdos exclusivos por e-mail
Email
Fique por dentro das novidade!